Inovadores e estrategistas, onde estão?

Ao observar a sociedade pelas ruas e em locais de grande movimento como metrô, terminais de ônibus e zonas centrais de grande movimento percebo que há algo em comum: 90% olhando a tela de seu smartphone ou com fone de ouvidos. O que estão lendo ou ouvindo? Será que são conteúdos edificantes ou apenas uma forma de “matar” o tempo ou um “antiestresse”? Crise econômica e poucas oportunidades de trabalho e nenhuma ideia ou proposta de melhoria vinda da sociedade que cause impacto positivo na política… aonde estão os sábios e os executores de projetos e propostas sociais? Devem estar em algum canto do smartphone/internet ou nas entrelinhas dos áudios…

Fonte: LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *